sexta-feira, 31 de maio de 2013

Tecnologia e Comunicação

Colégio QI
Ano: 3°         Turma: “1”
Alunos: Alan Bruno
               Felipe Viana
               Isabelle Cavalcanti
               Jorge Gomes
               Matheus Farias
               Roberto Luiz



Tecnologia e Comunicação

  A comunicação é um marco histórico que revolucionou o mundo. Desde os Homo Sapiens Sapiens, até os dias atuais. A tecnologia avançou a passos largos, a comunicação teve seu contributo na medida em que o tempo passava, estava sempre presente. Foi e continua sendo o viés mais importante da evolução humana fez o grande diferencial entre o ontem e o hoje. Será a mola propulsora entre o hoje e o amanhã. Será uma grande força contributiva de um futuro bem próximo.
   Hoje o mundo esta muito mais tecnológico, a cada dia  uma nova tecnologia é descoberta a cada momento, um bom exemplo são os celulares nos quais todos os dias é adicionado algo novo neles, como sensores, a falta de teclas comparado aos de anos atrás, câmeras entre outros. A internet nos dias atuais é o nosso maior meio de comunicação pois chega a servir como televisão, radio, celular e uma biblioteca para todos nós.




Comentários: 

Alan Bruno
“No dia a dia surge uma nova tecnologia em nossa vida. Mas como tudo no mundo existem lados bons e ruins, as tecnologias também trazem uma desvantagem: As pessoas hoje preferem estar em casa “navegando” na internet, porém, as tecnologias vieram a nossa vida para facilita-la ainda mais e nos auxiliar mais e mais.”

Felipe Viana
“Há alguns anos atrás era quase impossível falar com alguém fora de casa, já que na existia nenhum telefone móvel, computadores e celulares eram artigos de luxo há cinco anos, atualmente qualquer pessoa pode ter um. Acredito que no futuro todas as barreiras que atrapalham a comunicação serão quebradas, tais como: sinal; dinheiro; idiomas.





Isabelle Cavalcanti
A cada dia a tecnologia está facilitando mais a vida de muitas pessoas. Todos os dias temos uma inovação no ramo tecnológico, porém é uma coisa relativamente cara e futuramente parar conseguir ter casas, carros, telefones, entre outras coisas teremos que ter muito dinheiro. Os projetos futuristas estão crescendo muito rápido e daqui a uns 10, 15 anos boa parte da população estará inteiramente ligada a tecnologia.


Jorge Gomes
“Entre si a comunicação tende um meio muito amplo relacionada à população, é de estrema importância, meios de comunicação são desenvolvidas de acordo com o que se precisa do cotidiano. Tecnologias comunicativas são todas as vistas mais proveitosas para a sociedade, com os meios de comunicação existente, nossas vidas serão cada vez mais facilitadas abrangendo o bom para vida dos seres humanos.”

Matheus Farias
“A comunicação evoluiu muito, ela veio de um processo de globalização. Um de seus maiores “aliados” é a tecnologia, responsável pela grande parte da comunicação atual junto com os celulares. Esse processo, essa evolução, favoreceu muito seus usuários, fazendo com que eles desfrutassem desse recurso para muitas atividades de suas vidas, e isso só tem a melhorar, pois, a comunicação está se atualizando diariamente, favorecendo ainda mais quem disponibiliza desse recurso”.

Roberto Luiz:
”Com todo avanço tecnológico muitas áreas tem sofrido varias evoluções as quais tem o principal objetivo de melhorar as técnicas presentes.E com toda esta evolução a comunicação não fica de fora.Há uma necessidade de apressar as simples ações do ser humano como se comunicar com isso existe projetos sendo desenvolvidos como Google glass,óculos que serve para buscar algo,tirar,gravar vídeo,descobre rotas, manda mensagens,faz ligações .Acredito que será sucessor do smarthphone.”


Imagem:




http://sociedadeolhodehorus.blogspot.com.br/2012/12/homens-vs-maquinas-futuro-incerto.html

"Redução da Maioridade Penal no Brasil" - Redação - 1º I

Grupo: Alexandre Henrique, Matheus Hollanda, Lucas Azevedo, Pedro Paulo, Rafael Chiliani, Vitor Hugo Dias.



A maioridade penal ou maioridade criminal define a idade mínima a partir da qual o sistema judiciário pode processar um cidadão como adulto, não existindo à priori sobre ele quaisquer desagravos, atenuantes ou subterfúgios baseados na sua idade à época da ocorrência do fato de que é acusado. O indivíduo é, pois, reconhecido como adulto consciente das consequências individuais e coletivas dos seus atos e da responsabilidade legal embutidas nas suas ações.
Em muitos países, o indivíduo abaixo da maioridade penal está sujeito, a partir de certa idade, a punições mais leves, como advertência, atividades socioeducativas, trabalhos sociais, acompanhamento social ou psicológico, detenções ou internações em instituições correcionais ou reformatórios, etc., existindo em alguns casos tribunais ou varas de justiça específicas para o encaminhamento de acusações contra menores de 18 anos.
A maioridade penal não coincide, necessariamente, com a maioridade civil, nem com as idades mínimas necessárias para votar, para dirigir, para trabalhar, para casar etc.



Opinião dos integrantes do grupo:


Alexandre Henrique: Foi comprovado cientificamente que crianças a partir dos nove anos de idade já tem consciência dos seus atos, então eu acho q a maioridade penal deveria ser diminuída para 14 anos de idade, pois eu tenho essa mesma idade e tenho plena consciência dos meus atos, nessa faixa etária de idade os adolescentes já estão muito maduros para tomar decisões. O Brasil hoje tem muitas “aberturas” em suas leis, por isso que ocorrem muitos casos de roubos, assassinatos e etc. O Brasil não está com estrutura para diminuir a maioridade penal, pois sem ela os presídios já estão lotados imagina se diminuírem essa lei... O Brasil tem que tomar atitudes drásticas com suas leis, pois a cada dia mais piora.


Matheus Hollanda: Deve-se reduzir a responsabilidade penal para 16 anos, pois todos os dias vemos crimes cometidos por menores, mas a diminuição deve vir acompanhada de uma intensificação nos trabalhos em relação a criança. O crime está fazendo uso das penas brandas que são aplicadas sobre os menores infratores o que gera uma sensação de impunidade, porém deve-se pensar que o crime pode fazer uso de menores cada vez mais jovens, impulsionados para a criminalidade devido as baixas condições sociais, uso de entorpecentes e principalmente a omissão do estado, a quem cabe legalmente zelar pelo bem estar dos jovens do nosso país.


Lucas Azevedo: Se rouba, mata, estupra, e etc., tem que pagar pelo que fez! Não existe isso que “se é menor de idade não tem como responder pelo que fez”, mas teve a coragem de cometer o crime. Hoje em dia os menores estão por aí roubando, matando e o caso mais recente em São Paulo, onde um garoto de 16 anos de idade estuprou uma menina dentro do ônibus, e não aconteceu nada com ele por causa da justiça que aceita o crime, mas a menina que foi estuprada não tem o direito de justiça, que justiça é essa onde o criminoso é privilegiado? O Brasil tem que acordar pra vida, tem que deixar de ser idiota! A minha opinião é que a partir de onde a pessoa tem a consciência de que o que está fazendo é errado, tem que pagar pelo que fez! Onde está a ordem e o progresso estampado na bandeira brasileira? O Brasil é hipócrita diz uma coisa mas não cumpre, e a grande parte do problema são as pessoas que não fazem questão de se levantar da frente da TV e irem protestar querendo os seus direitos. Porque o governo utiliza a mídia para manter as pessoas entretidas e não enxergarem o que se passa na política. As pessoas passam muito tempo na frente da TV, assistindo filmes, novelas, escutando música, na internet e esquecem-se de lutar pelos seus direitos, pois o governo usa a mídia para manter as pessoas ocupadas demais e não conseguirem enxergar o que está acontecendo. Idade para responder os atos: 8 anos de idade.


Pedro Paulo: Sou a favor da diminuição da maioridade criminal para os 12 anos de idade, pois os adolescentes nessa idade já sabem o que fazem, e eu creio que com a diminuição da maioridade penal o Brasil ia melhorar muito no aspecto de violência.


Rafael Chiliani: Em minha opinião, a maioridade penal ou maioridade criminal, deve ser reduzida para 14 ou 15 anos de idade, pois um adolescente de 14 já tem a consciência do que fez e do que faz, e se uma pessoa tem consciência para fazer um ato criminoso que infringe a lei Brasileira, ela pode muito bem responder juridicamente por esse ato criminoso.
Mas as crianças brasileiras não devem ser jogadas ou muito menos trancafiadas em uma cela e serem esquecidas por nós. Devem ser mantida em local que a abrigue e que dê educação de qualidade, para formar uma pessoa de caráter para o nosso país, pois deve-se ser concluído que o Brasil não tem a capacidade de fazer algo desse tipo, pois não tem estrutura e nem organização para realizar algo de tamanha complexidade.


Vitor Hugo Dias: Sou a favor da diminuição da maioridade penal para os 14 anos de idade, pois nessa idade esses adolescentes já tem consciência dos seus atos e podem arcar com as consequências de seus erros.


Conclusão do grupo: Que somos a favor da maioridade penal e que queremos que ela seja diminuída em média para entre 12 a 15 anos de idade, para que assim as “bandidagem” fique menor, mas para que isso aconteça precisamos de leis melhores, com mais rigidez ,e não defendendo esses menores infratores.

Projetos Futuristas - Medicina

     Grupo: Caio Enrique, Charles Souza, Esdras Santos, Herbet danilo, Humberto Barros, José Alves e Pietra Simplicio.
       Série:  3° I                          

                                                         Inovações na medicina
      A medicina vem sendo praticada de uma forma ou de outra, desde os tempos pré-históricos todas as culturas tiveram seus curandeiros. Atualmente, a que é baseada na ciência é a forma predominante. Quando pensamos em médicos e curas, pensamos na medicina moderna, de alta tecnologia. Como tudo que envolve o ser humano, ela ao longo dos anos, se desenvolveu e progrediu bastante.
    Doenças que antigamente não possuíam cura, hoje possuem. E é graças ao desenvolvimento da tecnologia e da ciência, que temos tratamentos e remédios que nos poupam tempo, porém na maioria das vezes não são de fácil acesso, o que é um problema, pois mais de um milhão de pessoas tem acesso inadequado à saúde no Brasil.
      Bem Estar, Saúde e Qualidade de Vida são termos cada vez mais presentes no nosso cotidiano. Alimentar-se bem, praticar exercícios físicos com regularidade, fazer exames de rotina, controlar doenças, são atividades fundamentais no mundo moderno, e agora podem receber o auxilio da tecnologia. Lidar com algumas doenças são difíceis e requerem paciência e atenção, tanto de quem possui a doença, quanto de quem a trata.
       Foi criado um aplicativo para Android que possibilita que o paciente entre em contato com seu médico via email e esclareça suas dúvidas sempre que necessário. Isso porque, além de manter uma dieta extremamente rigorosa e praticar atividades físicas, muitas vezes, o paciente possui dúvidas em relação à quantidade de carboidratos, medicações ou mesmo exercícios precisos para seu cotidiano.

      Além de tudo isso, todos os dias pesquisadores, médicos e cientistas buscam novas curas. E nós que somos a população estamos vendo isso, novos tratamentos e remédios para pequenas e grandes doenças como: remédios para câncer de próstata em estágio avançado, dispositivo portátil para diagnóstico de melanoma, cirurgia de catarata com laser, mamografia em 3D, e outros.

    Esta introdução aos estudos sobre a natureza e as consequências da inovação médica contribuirá para um debate nacional sobre a melhor forma de proteger os doentes, enquanto as inovações são desenvolvidas e os benefícios garantidos. Os médicos querem uma população que viva mais, por isso, eles buscam tudo que possa ajudar a melhorar a vida humana.


      

      Considerações Finais


      Com esse seminário sobre projetos futuristas, pude perceber que ao passar dos anos a medicina vem trazendo novos aparelhos e até robôs. Hoje em dia já tem protótipos de nano robôs, que serão utilizados para realizar diagnósticos nos pacientes e assim melhorar o trabalho dos médicos e também fazendo com que a consulta seja mais rápida. Já temos em mãos os aplicativos para celulares e tablets, onde as pessoas agendam um horário para que elas sejam atendidas e possam também fazer perguntas sobre o que estão sentido.
                                                                                                                             - Charles Souza.
     Ao realizar esse trabalho sobre projetos futuristas na área da medicina, aprendi que essas inovações tecnológicas sempre buscam melhorar a qualidade de vida dos seres humanos. Doenças que não tinham cura, hoje possuem remédios que podem minimizar os seus efeitos, além de projetos em desenvolvimento como: medicamentos personalizados e órgãos artificiais. Então, a tecnologia na área da saúde tem o objetivo de beneficiar as pessoas para que possam viver mais e facilitar novas descobertas.
                                                                                                                                    - Esdras Santos.
  
      Nas últimas décadas várias inovações tecnológicas e avanços da Ciência possibilitaram um aumento da expectativa de vida das pessoas. Novos medicamentos para tratamentos mais complicados, equipamentos para permitir diagnósticos mais rápidos e precisos, e outras inovações possibilitaram toda essa melhora na forma de diagnosticar e tratar as diversas doenças. Na medicina sempre é bom inovações para que possamos ter muito mais recursos para nossa saúde.
                                                                                                                                       - Hebert Danilo. 

         O avanço tecnológico na medicina representa a capacidade e sabedoria do ser humano. Com tanta tecnologia que já temos, eu acreditava que não era possível evoluir mais. A nanotecnologia é uma das principais formas de mostrar a evolução da medicina. Pois é capaz de melhorar o trabalho do médico de uma forma inacreditável, desde simples terapias até o funcionamento de órgãos. E tudo isso é fruto de muito esforço de pessoas que trabalham pelo bem da humanidade.
                                                                                                                               - Humberto Alencar.
             
        Durante a realização desse trabalho, pude aprender um pouco mais sobre os avanços que estão sendo realizados na medicina, como por exemplo: o desenvolvimento de novos tipos de pílulas, remédios com absorção mais rápida (eliminando a utilização de injeções) e transplantes utilizando órgãos criados em laboratório. Porém, o que mais me chamou atenção, foi sem dúvida alguma, a descoberta do neurocientista brasileiro, Miguel Nicolelis, que pretende realizar a façanha de possibilitar a um tetraplégico a oportunidade de dar o pontapé inicial na Copa de 2014, que será possível através de um exoesqueleto conectado ao cérebro do voluntário.
                                                                                                                                       - José Alves.
      
        A inovação na medicina ocorre devido ao avanço na tecnologia, pois grandes passos estão sendo dados em curas de doenças que antigamente não tinham e eram muito caro para tratá-las. Esse desenvolvimento está obtendo retorno e os idosos estão tendo uma vida mais longa e sem muitas preocupações relacionadas à saúde. Para o Brasil crescer mais, com certeza temos que nos desenvolver intensivamente para obtermos um nível elevado na medicina.
                                                                                                                                    - Pietra Simplício.

     

Imóveis Futuristas

Grupo: Élida Felinto e Gabriella Marques

Considerações Finais


Élida Felinto : O ser humano sempre está em busca de uma qualidade de vida melhor. Os imóveis inteligentes são uma boa opção, pois oferecem segurança, conforto e facilidade diariamente.



Gabriella Marques: As casas futuristas além de um design mais sustentável, elas serão, de uma certa forma, mais uteis também, pois as pessoas cada vez estarão mais ocupadas e com menos tempo para atividades domesticas.

Trabalho de Redação - Medicina Futurista

    Alunas: Jeovanna Cardoso, Gladyanny Ferreira e Glaycyanny Ferreira
    Série: 3º ano I                              



                               MEDICINA NO FUTURO

    Hoje em dia, a investigação em curso tem os seguintes objetivos definidos para o futuro:

  Doenças infecciosas – desenvolvimento de vacinas, novas estratégias para identificar e controlar a doença e melhoria dos sistemas públicos de cuidados de saúde;

  A fábrica de células – engenharia intracelular, identificação de genes para o desenvolvimento de novos processos e produtos, incluindo desenvolvimentos no domínio da biomedicina e processamento de desperdícios orgânicos ou da biomassa;

  Envelhecimento das populações e incapacidade – estudo das doenças relacionadas com a idade, mecanismos celulares e moleculares do envelhecimento, estatísticas demográficas e epidemiológicas e melhores serviços de saúde pública para o idoso;

  Nutrição alimentar e saúde – melhor qualidade dos produtos, testes que visam detectar contaminantes e o papel dos alimentos na manutenção de uma boa saúde;

  Ambiente e saúde – estudos no âmbito das doenças e alergias relacionadas com o ambiente, novas ferramentas de diagnóstico, avaliação de riscos e prevenção dos efeitos nefastos do ambiente na saúde;
Atividades genéricas que visam compreender os mecanismos básicos da doença, ou seja: doenças crônicas e degenerativas, genomas e doenças de origem genética, neurociências e saúde pública em geral.

                         EXPECTATIVAS PARA O FUTURO

     Existem diversas expectativas acerca de como será a medicina do futuro.
Um ponto de vista consiste na defesa de que irá ocorrer uma grande modificação, uma vez que se afirma que ,apesar dos enormes desenvolvimentos da tecnologia de remédios, de monitoração de pacientes e de cirurgia, a medicina atual ainda preserva a mesma natureza desenvolvida nos últimos 5.000 anos: diagnose e tratamento de pacientes. A diagnose tradicional atende o paciente quando este mostra sinais de uma doença num dado estágio de avanço, o problema, grande parte das vezes, é que o paciente encontra-se num estágio avançado do desenvolvimento da doença e, desta forma, o único tratamento viável( por exemplo a cirurgia) apenas prolonga a duração da sua vida por um período de tempo limitado.
    Especula-se , então, que a “medicina do futuro” vai ter mudanças radicais,respectivamente a o nível da medicina molecular e da medicina particularizada. A medicina molecular, tal como a entendemos hoje em dia, faz uso do conhecimento do funcionamento das células e, em particular, do funcionamento das proteínas, da genética e da epigenética. O entendimento de como os processos que envolvem as células se desenvolvem não é suficiente ,é fundamental entender como esta estrutura é criada, se desenvolve e é modificada; o entendimento de como isso ocorre e, mais importante, como influencia o estado de muitas células ou moléculas na sua interação num dado tecido do corpo está ainda nos primórdios de seu desenvolvimento. A medicina molecular tem como meta a detecção precoce de doenças, ou seja, o seu objectivo é detectar e identificar as doenças nos seus estágios iniciais. A detecção precoce faz uso da combinação de agentes de contraste (contrast agents) – necessários para visualizar a estrutura e o funcionamento das células, em particular as células “doentes” – e de poderosas máquinas de visualização de estruturas do corpo, tal como aquelas que utilizam o positron emission tomography (PET), o raio X, o computer tomography (CT), e o magnetic resonance imaging (MRI).
    Desta forma, pensa-se que a chave para uma melhoria significativa na Medicina depende, essencialmente, do progresso na criação de novos agentes de contraste, de máquinas de visualização e de modelamento da evolução de uma dada doença, ou seja, a revolução da medicina está intimamente relacionada com o avanço e investimento feito nas novas tecnologias.
    Outra concepção defende que, possivelmente, a medicina integrada será a medicina do futuro, uma vez que representa a evolução do pensamento médico e é um reflexo na área da saúde da expansão da consciência do Ser Humano no seu processo evolutivo atual.  A Medicina Integrada conjuga  a Medicina Ocidental com a Medicina Tradicional Chinesa, aglutinando áreas do conhecimento médico e técnicas terapêuticas optimizadas em benefício do doente.
    A Medicina Ocidental é uma Medicina sobretudo curativa, enquanto que a Oriental aposta na prevenção da doença e na manutenção da saúde. Assim, a Medicina Integrada é a complementaridade, promovendo a saúde, prevenindo as doenças, tratando-as nos seus estádios mais iniciais e com um maior leque de métodos diagnósticos e terapêuticos ocidentais por um lado, e orientais não invasivos por outro, apostando em ambos e não desprezando nenhum, em benefício do doente.
    A Abordagem Médica Integrada avalia os hábitos e estilo de vida do paciente, dieta, atividade física, stress profissional e familiar, juntamente com os antecedentes pessoais e familiares, tentando ,desta forma, entender o contexto e os “porquês” da condição atual do paciente. A eficácia desta abordagem está comprovada em vários estudos recentes. A qualidade de vida de doentes cancerosos aumentou consideravelmente quando, para além da quimioterapia e da cirurgia, estes complementaram os seus tratamentos com dietas terapêuticas, homeopatia, fitoterapia, acupunctura, meditação e técnicas de relaxamento.

                  VANTAGENS DA UTILIZAÇÃO DE TECNOLOGIAS NA MEDICINA

    A medicina une-se cada vez mais à tecnologia de ponta – robôs servem de assistentes de médicos, surgem sofisticados programas de diagnósticos por imagem, cirurgias e  os pacientes já são monitorizados à distância.
Este fenômeno não só cria novas profissões como exige a educação continuada dos profissionais da saúde,proporciona, ainda, oportunidades para especialistas de outras áreas que nunca imaginaram atuar neste campo.

               A MEDICINA É BASEADA EM TRÊS PILARES:

-O contínuo aperfeiçoamento dos seus profissionais;
-As pesquisas dos medicamentos que permitiram avanços incontestáveis na cura de várias doenças;
-O avanço da tecnologia que permite medições, acompanhamentos e diagnósticos cada vez mais precisos.

               NO QUE É QUE A TECNOLOGIA PODE AJUDAR A MEDICINA?

    Presentemente as empresas globais estão a integrar as tecnologias existentes neste ambiente com os objetivos de aumentar a assertividade e facilitar a tomada de decisões clínicas e administrativas, por parte dos profissionais envolvidos na medicina.

                              O QUE JÁ É FEITO?

    Atualmente os ventiladores e bombas de infusão podem interagir com prontuários eletrônicos dos pacientes além dos sistemas de imagens digitais, que facilitam uma série de decisões do corpo clínico dentro da unidade. Além disso, os profissionais têm acesso via WEB a esses dados e informações para ensino à distância ou opiniões de especialistas quando necessário.
Instituições privadas são as que mais investem neste tipo de tecnologia, pois além do retorno financeiro através do maior controlo sobre cada operação realizada na organização, ganha-se também com o retorno de imagem positiva que ações geram nos media e na população em geral.Vários estados e municípios usam a TI (Tecnologia da Informação) como aliada na saúde.

                                      E O FUTURO?
  
  Num futuro não muito distante, as unidades de cuidados especiais, terão um arsenal tecnológico ao seu dispor capaz de melhorar muito os processos internos e ,principalmente, a qualidade de vida do paciente.
Poderemos ter imagens do corpo do paciente em tempo real sem que este necessite realizar uma tomografia, os equipamentos não utilizarão fios para sua comunicação com os pacientes e com as demais máquinas, teremos cartões e/ou chips com toda a nossa informação clínica que poderá ser interpretada em qualquer parte do mundo. Estes conceitos serão divulgados para as outras áreas da saúde conforme as necessidades de cada uma delas.


 Conclusões:

Gladyanny Ferreira

Diante disso tudo só posso concluir que a tecnologia no meio medicinal só tem a nos ajudar, podendo trazer a cura de varias doenças como o câncer o HIV a diabetes entre outros. Trazendo uma diminuição de mortos e uma qualidade de vida muito melhor para todos sem contar em um maior índice de assertividade dos médicos podendo assim facilitar a tomada de decisões do mesmo. Só é uma pena não poder ser oferecido a todos, pois ainda é algo muito longe do pensamento de pessoas mais carentes.

Glaycyanny Ferreira

A medicina do futuro vai ter muitas mudanças radicais, pois ela procura melhorar o estilo de vida dos pacientes e a tendência é prolongar o tempo de vida das pessoas e evitar que doenças precoces apareçam com tanta frequência e diminuir ou até acabar com doenças que causam muita morte no país que é o caso do câncer. Evitando que o paciente possa chegar a um estagio avançado e não tenha mais recuperação e fique esperando só a morte.


Jeovanna Cardoso

O avanço da tecnologia vem ajudando o desenvolvimento da medicina, pois a cada ano através de pesquisas e estudos aparecem novidades nesse ramo que são fundamentais para o bem estar da sociedade. Se o avanço tecnológico continuar nesse ritmo trará conforto e bem estar para a sociedade. O ideal seria se esse conforto também fosse acessível para as pessoas mais carentes, evitando a exclusão social.

Trabalho de Redação sobre "Redução da maioridade penal no Brasil"

Grupo: Evandro Melo, Liendson Douglas, Luana Maia, Márcia Costa, Maria Carolina e Maryanna Karlla

Redução da maioridade penal no Brasil
Evandro Melo -  No mundo que estamos não é um mundo de idades e sim de caráter o que muitas pessoas não tem e creio que se esta lei fosse aprovada a criminalidade reduziria em 50%. Pois com a maior idade penal muitos usuários de drogas que são menores de idade e roubam acabariam sendo presos ou seja já seria um perigo a menos para nos preocuparmos haveria uma redução na violência alheia e outros fatore para nosso conforto com tudo isso sim eu concordo com esta lei.

Liendson Douglas - As pessoas acreditam que reduzir a maioridade penal,  iria reduzir crimes e atentados a população mas não irá, os crimes continuariam e isso é um fato! Deveríamos seguir exemplos de grandes potencias como os E.U.A, começar do zero,  dar uma nova educação com novas escolas, ambientes e oportunidades melhores, o que deveríamos mudar não era a maioridade, mais sim o nosso governo.

Luana Maia - Concordo plenamente com a diminuição da maioridade penal, pois temos que ver a realidade que passamos todos os dias cansamos de ver em noticiários crianças MATANDO! As crianças estão se envolvendo cada dia mais cedo com a marginalidade dai matam , assaltam e tem a plena certeza que será solto na mesma hora pois são protegidos pela lei.  Agora se pergunte se essa lei tem que ser decretada urgentemente ou não.

Márcia Costa -  Um menor de apenas 12 anos tem plena consciência do que faz , hoje no Brasil tentam adaptar a nova lei, colocando os menores infratores atrás das grades  após crimes cometidos. Na maioria das vezes esses menores infratores são influenciados por adultos, onde também acabam sendo presos que acaba não colaborando para a melhoria da sociedade.

Maria Carolina - É que o Brasil está a mais um passo de tomar aquelas decisões precipitadas, onde terá mais um debate politico e sensacionalista e esperando com isso mudanças solúveis.
A questão não é redução de maior idade e sim qualidade de sistema prisional.
A constituição da casa de recuperação é um dos casos para as pessoas mais nobres, é ai que muitos usuários estão ainda nas ruas, por conta de governo.
Com a redução os presídios se encontram cada vez mais lotados e assim porém, vemos muitas reportagem de rebeliões nos presídios nacionais.
Tentar limitar a faixa etária mínima de criminosos é um erro, por isso maioria dos adolescentes estão atrás das grades...

Maryanna – A redução da maioridade penal no Brasil já foi feita! Foi diminuída para 12 anos de idade. O menor de idade ao cometer um crime, também é preso, vai a julgamento, possui advogado, testemunhas, igual a um maior de 18 anos de idade. Só que dependendo do delito, pode ter uma prisão temporária de até 10 dias, mas se for julgado, condenado, pode pegar uma pena privativa de liberdade até no máximo 3 anos.
Apesar de já diminuída, a redução não é bem utilizada. Muitos menores estão sem educação e sem saúde por omissão do Estado, outras abandonadas por omissão dos pais e da família, e tantas outras sendo obrigadas a trabalhar por ação dos pais e omissão do Estado.

A sociedade não enxerga esses problemas que prejudicam os menores, mas ao vê-los nos crimes, se revoltam.

2 ano I empreendedorismo

video
alunos: Suzany Oliveira, Daniel Tobias, Alycia Waleska, Rafael Douglas, Gabriele Araujo
ano: 2 ano I Epitacio

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Trabalho de redação sobre "Redução da maioridade penal no Brasil"

Grupo: juliana ,Rayanne ,Thayná ,Marina ,Renata e Victória.

Redução da maioridade penal no Brasil

Por força do artigo penal, os menores de dezoito anos são penalmente irresponsáveis, ficando sujeitos as normas estabilidades na lei . se um menor comete algum crime ele é colocado em um lar substituto, que lá o menor tem direito de medidas corretivas , tipo uma nova forma de vida , por infrações penais cometidas e mal comportamento. Eles recebe um acompanhamento pedagógico e nunca punitiva . a lei retrata que o menor infrator não se trata de um criminoso mas alguém incapaz de responder pelo o que faz , que necessita de ajuda , para que possa retornar a sociedade como um devido cidadão.

São aplicáveis ao menor infrator ou por comportamento anti social , a advertência: a entrega aos pais e responsável, mediante termo de responsabilidade , internação em estabelecimento educacional . se o menor for pego pela primeira vez , ele e imediatamente entregue aos pais ou responsável. os menores que vão internados na casa educacional por infração grave fica de 3 a 6 meses internos, a maioria deles mudam de vida , outros voltam a praticar as mesmas infrações. Vai dizer que os “ bichinhos” num sabe o que faz! Quando ele vai matar alguma pessoa ele vai com a certeza do que fazer, não tem essas de “más influências”, um adolescente de 14 e 16 já sabe o que faz, tenho certeza disso.  ” SE UM MENOR PODE ESCOLHER UM PRESIDENTE OU PREFEITO , PORQUE ELE NUM PODE SER TRATADO PELA LEI COMO UM ADULTO ?

Redução da Maioridade Penal no Brasil

A maioria dos cidadãos quer diminuir a maioridade penal no Brasil, porque dizem que menores sabem o que fazem, mais o Ministro da Justiça disse que não vai poder diminuir, que qualquer tentativa de alteração da maioridade penal é inconstitucional. 

A opinião dos alunos do grupo:

Amanda Miranda: Mudaria para os 16 anos, pois os cidadãos já sabem de todas as leis, já sabem o que pode fazer e devem cumprir os seus deveres, que é pagar pelos seus atos.

Maria Beatriz: A maioridade penal deve ser reduzida para os 14 anos, porque as crianças que dizem ser adolescentes já sabem das consequências dos seus atos e devem pagar pelo que fazem. Toda pessoa já sabe o certo e errado e o que pode ou não fazer.

Mylena Andryele: Deveria existir um teste para comprovar se o adolescente tem capacidade mental ou não, para pagar pelo crime cometido. Ou ser reduzida para os 14 anos de idade, já que eles podem matar, também pode responder pelo crime cometido.

Patryck Maciel: A responsabilidade criminal, na realidade, deveria ser de acordo com o crime e não com a idade. Aliás, é assim que ocorre em alguns estados dos EUA e também em alguns países da Europa. Matou-se, roubou ou violentou, agrediu o professor (a), então é porque está maduro suficiente e já sabe das consequências, devendo, portanto responder com igualdade civil de um adulto pelo crime.

Redação - Roberto Lauria
1º ano I 

terça-feira, 28 de maio de 2013

ATENTADOS DO SÉCULO XXI - RELATOS PESSOAIS

ANO: 2 I – MANHÃ

ALUNOS: ANDRÉA MOURA, BRUNO PEDROSA, GABRIELA PINHEIRO, INGRID CARVALHO, JAMACY PIRES, JOSÉ LOPES, JOSÉ VICTOR, VITOR FARIAS, WINKEL.



COMENTÁRIOS:

                    
INGRID CARVALHO:
 Os atentados terroristas voltaram a assustar o mundo. O primeiro e grande atentado foi no século XXI, das torres gêmeas, que ocorreu no dia 11 de setembro de 2001 nos Estados Unidos.
No dia 15 de abril de 2013,o ultimo atentado terrorista ocorreu em Boston onde duas bombas foram detonadas próxima à linha de chegada da competição de maratona que é bastante conhecida. As explosões mataram 3 pessoas e feriram 176 pessoas. A segunda bomba foi detonada doze segundos depois a uma distância de 170 metros.
Foi de dois irmãos que saíram esse massacre que assusta os Estados Unidos.

JOSÉ LOPES:
 A festa do Dia do Saber na Rússia, que marca o início do ano letivo, no dia 1 de setembro de 2004 se transformou num pesadelo em Beslan, quando a escola número 1 foi tomada por um comando tchetcheno. 
Mais de mil pessoas, grande parte crianças, foram feitas reféns numa escola em Beslan, na Ossétia do Norte, Rússia, por um comando tchetcheno. As forças russas tomaram a escola de assalto e morreram pelo menos 330 pessoas.

BRUNO PEDROSA:
Quatro explosões mataram dezenas de pessoas e deixaram centenas feridas, dos primeiros 33 falecidos confirmados, sete perderam a vida na primeira explosão, que ocorreu no tunel entre as estações de metrô de Moorgate e Liverpool street, ja a segunda explosão mataram 21 pessoas, entre as estações de metrô de King's Cross e Russell. Outras 5 pessoas morreram em mais um atentado entre as estações de Edgware Road e Paddington.

JOSÉ VICTOR:
O atentado que deu inicio a essa serie de pesadelos ocorreu no dia 11 de setembro de 2001, onde quatro aviões sequestrados por uma rede islâmica de terroristas tocaram o terror nos estados unidos. Dois desses aviões são lembrados ate hoje por ter matado centenas de pessoa quando ambos se colidiram com as “torres gêmeas” ou old trade Center e vim derrubar após 2 horas as torres. Esse atentado se repercutiu em todo mundo, em memória das vitimas foi construída uma fonte no aniversario do 11 de setembro no antigo lugar onde se localizava o old trade Center.

VITOR FARÍAS:
Em 2004 11 de março teve para os espanhóis o mesmo peso que o 11 de setembro para os americanos. Os americanos tiveram a infâmia os terroristas naquela data teve uma serie de explosões em trens metropolitano que matou cerca de 200 pessoas e deixou mais de 3.500 feriadas em Madri. Esse atentado entrou para a historia de Madri como um verdadeiro massacre e é lembrado ate hoje com muita dor e recordações para as famílias que perderam seus parentes nesse atentado. 

GABRIELA PINHEIRO:
Em um dos atentados mais recentes, a Índia foi um palco de terror, com um ataque terrorista em 2008 de uma audácia extraordinária,um grupo de trinta terroristas espalhou-se pela área de Mumbai fazendo centenas de reféns , a mensagem mas clara que foi deixada pelo ataque é assustadora: O terrorismo na Índia assumiu uma nova fase,a do estilo Osama Bin Laden. Esses atentados têm a característica de ser cometidos por militares islâmicos bem treinados, dispostos a morrer e o objetivo de causar maior número possível de vítimas civis.

Jamacy Pires:
Quatro aeronaves foram seqüestradas por integrantes do grupo islâmico Al-Qaeda, Um dos aviões sofreu uma queda quando passageiros reagiram ao seqüestro, à queda ocorreu em campo aberto em Shanksville. Em um outro avião os seqüestradores fizeram-no colidir contra o quartel general de defesa dos Estados Unidos da América, o Pentágono, no Condado de Arlington, Virginia. E o mais chocante foi os dois avião que colidiram com as duas torres do Word Trade Center, em Manhattan New York. O saldo no ataque foi de aproximadamente 3.000 mortos. 

Andréa Moura:
Atentado à Maratona de Boston de 2013 foi um atentado ocorrido em 15 de abril de 2013, quando duas bombas foram detonadas na Maratona de Boston aproximadamente às 14h50min (hora local), na Rua Boylston, perto da Praça Copley, na cidade de Boston, Estados Unidos, pouco antes da linha de chegada da prova que se desenrolava. As explosões mataram três pessoas e feriram mais de 170. A morte de três pessoas foi confirmada, uma das quais tinha oito anos de idade.

Winkel:
Em 26 de novembro de 2008 dez atentados terroristas sincronizados atingiram a cidade indiana de Bombaim, conhecida como capital financeira e maior cidade do país; alguns destes ataques só foram encerrados três dias, em 29 de novembro, depois que as forças de segurança indianas conseguiram ganhar o controle de todos os locais atacados. Pelo menos 195 pessoas,4 incluindo vinte e dois estrangeiros, foram confirmados como mortos, e cerca de 327 pessoas ficaram feridas